Notícias

Voltar
NEOEN assinou acordo de 50M€ com o Governo de Moçambique
21 de Dezembro de 2018
NEOEN assinou acordo de 50M€ com o Governo de Moçambique

O Governo moçambicano assinou com a empresa francesa NEOEN, associado da ALER, um acordo para a construção de uma central eléctrica solar no norte do país.

 

Esta central vai servir 150 mil pessoas e conta com um investimento que ronda os 50 milhões de euros. A construção vai iniciar-se no segundo semestre de 2019, em Metoro, província de Cabo Delgado. Prevê-se que a central tenha uma produção de energia de 69 GWh, que irá fornecer a empresa pública Eletricidade de Moçambique (EDM) a partir do primeiro trimestre de 2020.

 

Na cerimónia oficial da assinatura do acordo, Max Tondela, Ministro dos Recursos Minerais e Energia de Moçambique, referiu que o Governo considera este projecto como prioritário já que irá garantir maior “segurança e fiabilidade no fornecimento de energia ao país”.

 

Cyril Perrin, director da Neoen em Moçambique, destacou o trabalho desenvolvido com o Governo e as comunidades locais desde 2015 e concluiu que este acordo “é o resultado de uma colaboração extremamente positiva com o governo de Moçambique e a EDM para implementar um projecto capaz de satisfazer o elevado nível de procura de energia do país, proporcionando electricidade verde e competitiva, aumentando assim a independência energética do país”.

 

Fonte e Imagem © Impala e NEOEN