Notícias

Voltar
ALER é membro da Rede Profissional de Acesso à Energia da Fundação das Nações Unidas
25 de Maio de 2016
ALER é membro da Rede Profissional de Acesso à Energia da Fundação das Nações Unidas

ALER orgulha-se de ser membro da Rede Profissional de Acesso à Energia da Fundação das Nações Unidas (Energy Access Practitioner Network), uma plataforma mundial que reúne prestadores de serviços de energia e stakeholders de 170 países para apoiar o fornecimento de energia descentralizada limpa, confiável e acessível.

Esta rede pretende contibuir para a meta da iniciativa Energia Sustentável para Todos das Nações Unidas (SE4All) de garantir o acesso universal à energia até 2030 ao: (i) promover inovações na política, tecnologia, negócios e financiamento; (Ii) amplificar a voz dos profissionais na tomada de decisões de alto nível e (iii) favorecer o aumento dar verbas e financiamento a soluções energéticas descentralizadas.
 

Esta é a rede global líder que facilita a interacção entre os sectores público e privado - a partilha de conhecimento, a criação de novas parcerias e a promoção de maior rapidez no acesso universal à energia.
 

A ALER está bastante entusiasmada por estreitar relações com a Rede Profissional para estimular o desenvolvimento das tecnologias renováveis ​​e de baixa emissão de carbono e incentivar os mercados de língua portuguesa em direcção ao acesso universal à energia. O foco da Rede está na eliminação das barreiras de mercado para a prestação eficaz dos serviços de energia, promovendo a adopção de novas tecnologias e modelos financeiros e de negócios inovadores, bem como a identificação e divulgação das melhores práticas na defesa do acesso universal à energia.
 

A Rede Profissional tem mais de 2.300 membros que representam pequenas, médias e grandes empresas de energia limpa, a sociedade civil, governo e o meio académico. Está disponível no site um Directório dos Membros onde é possível pesquisar por membros e filtrar por localização, indústria, área de especialização e muito mais.
 

Saiba mais sobre a Rede Profissional em http://energyaccess.org/