Notícias

Voltar
EDP renova fundo para apoiar projectos de energia limpa em países em desenvolvimento
30 de Novembro de 2020
EDP renova fundo para apoiar projectos de energia limpa em países em desenvolvimento

Através do Fundo A2E, a EDP, Associada da ALER, prepara-se para apoiar novos projectos de acesso a energia limpa em cinco países africanos, incluindo Angola e Moçambique. Nesta terceira edição, o programa de financiamento conta com meio milhão de euros e duas novas geografias.

 

A aposta em projectos que promovem o acesso a energia renovável em países em vias de desenvolvimento é um dos compromissos que leva a EDP a avançar com uma nova edição do Fundo A2E (Access to Energy). Com uma dotação de meio milhão de euros, este programa de financiamento pretende apoiar projetos de energia limpa em Moçambique, Nigéria, Maláui e, pela primeira vez, Angola e Ruanda.

 

Nesta terceira edição, destinada a entidades com ou sem fins lucrativos, o Fundo continua a garantir apoios financeiros entre 25 mil e 100 mil euros a cada projecto. As candidaturas podem ser entregues a partir desta quinta-feira, 26 de novembro, até 10 de janeiro, sendo os resultados conhecidos em abril de 2021. Os seus promotores terão depois de executar os projectos no espaço de um ano.

 

Educação, saúde, agricultura, negócios e comunidade, à semelhança das edições anteriores, continuam a ser as cinco áreas prioritárias para os apoios deste programa. Entre os critérios de avaliação, destacam-se o impacto social, parcerias, sustentabilidade, potencial de expansão ou viabilidade financeira.

 

Leia o comunicado completo aqui.

O regulamento pode ser consultado aqui.

 

Fonte e Imagem © EDP